Notícias, Notícias gerais › 17/06/2016

Famílias participam da construção das tecnologias sociais que conquistaram

A ação é coordenada pelo Seapac, instituição da Igreja Católica

(Foto: cedida)

(Foto: cedida)

Os trabalhos de construção das 56 tecnologias sociais de captação e armazenamento de água para produção (9 barreiros trincheira, 21 cisternas de enxurrada e 26 cisternas calçadão), de igual número de famílias do município de Currais Novos, região Seridó do Rio Grande do Norte, foram iniciados na última quarta-feira, 15 de junho. As 56 famílias que conquistaram as tecnologias sociais residem nas comunidades Santo André, Poço de Serras, Olho D’Água dos Brandões, São Roque, Santana, São Sebastião, Pau Ferro, São Luiz e Bonifácio.

Animadores de Campo – Paulo Ambrósio de Medeiros Júnior e Francisco Canindé Cosme – do Serviço de Apoio aos Projetos Alternativos Comunitários (SEAPAC) acompanham todas as etapas do trabalho. O trabalho é coordenado pelo Agrônomo Damião Santos, também do Seapac.

Nesta etapa dos trabalhos, as famílias entram com a mão de obra de serventes e ajudam na descarga do material de construção das tecnologias. Os trabalhos começaram nas comunidades de Santo André, Poço de Serra, Santana, São Sebastião e São Luiz, todas no município de Currais Novos-RN. Todas as famílias participaram das etapas anteriores, que são os cursos de Gerenciamento de Água para a Produção de Alimentos (GAPA) e de Sistema Simplificado de Manejo de Água (SSMA) e a visita de intercâmbio.

(Texto: Diác. José Bezerra)

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.